Paróquia Saõ Sebastião Home Galeria
Movimentos Comunidade Conselho Dízimo Notícias Casamento

Litigia Diária
Bíblia On-Line
Reflexões da Semana
História dos Santos
Nosso Padroeiro
Aniversariante do Mês
F T
Notícias
DIOCESE DE GUAXUPÉ ABRE COMEMORAÇÕES DE SEU CENTENÁRIO
Celebrar é alma da Igreja! Fatos, o cotidiano feito e refeito ao longo do tempo, a história de cada pessoa – sua santificação no mundo, sinais humanos da graça de Deus, tudo celebrado na ação litúrgica cristã. E a Diocese de Guaxupé, nas proximidades de seu centenário (03 de fevereiro de 2016), não podia deixar de fazer desse período antecipatório um intenso tempo de ação de graças. <br /> Desde o primeiro semestre de 2012, um calendário de atividades foi pensado no Conselho Diocesano de Pastoral (CDP). Depois de alguns acréscimos e especificações em sua programação, o mesmo chegou aos Conselhos Pastorais de Setor (CPS), também avaliado nessa instância e novamente reformulado até sua apresentação final.<br /> A abertura das comemorações recebeu a mesma data da criação da diocese, 03 de fevereiro. Nessa primeira ocasião, às 9h, em Guaxupé, haverá procissão com a imagem da padroeira, Nossa Senhora das Dores, com saída prevista da avenida Conde Ribeiro do Vale (entrada da prefeitura) em direção à catedral diocesana para a santa missa. Durante a celebração, ocorrerá entrega da cruz missionária da Jornada Mundial da Juventude a cada representante jovem das paróquias e, em seguida, será lido o decreto de abertura das celebrações e atividades do centenário e promulgação de concurso para o hino comemorativo.<br /> No calendário das comemorações em 2013, destacam-se Juventude e Ano da Fé. Para o dia 03 de março, espera-se uma grande participação de jovens de todas as paróquias para o “Bote Fé”, evento para acolhida diocesana aos ícones da Jornada Mundial da Juventude, a realizar-se no próximo mês de julho. Das 15 às 17 horas, acontecerão várias atividades juvenis, compreendendo a celebração da eucaristia e show com a Banda Dominus, grupo de “axé” religioso que, em parceria com a CNBB, participa desde 2011 em vários eventos de Bote Fé no Brasil.<br /> De março a dezembro, estão previstos estudos, nos conselhos de pastoral paroquial e setorial, de subsídios com questões aprofundadas da fé cristã, além de folder informativo para entrega nas celebrações dominicais. <br /> A DIOCESE DE GUAXUPÉ E SUA ORIGEM<br /> Até 1906, o Brasil contava com duas sedes metropolitanas: Salvador (BA) e Rio de Janeiro (RJ). Naquele ano, o papa Pio X criava duas outras: Belém (PA) e Mariana (MG). Muitos estados formavam uma única diocese. <br /> O território que hoje compreende a Diocese de Guaxupé pertencia ao bispado de São Paulo. Já no ano de 1900, com a criação do bispado sul-mineiro, passou a pertencer ao bispado de Pouso Alegre e, em 1906, sob cuidado eclesiástico metropolitano de Mariana. <br /> Aos 19 de novembro de 1913, dom Antônio Augusto de Assis, então bispo de Pouso Alegre, conseguiu um decreto da Santa Congregação Consistorial para criar uma residência episcopal em Guaxupé. No dia 21 do mesmo mês, o referido bispo chegava à cidade para fixar moradia no Largo da Matriz (atualmente praça Américo Costa), em prédio cedido pelo Sr. Conde Ribeiro do Valle. Em fevereiro de 1914, iniciou Sua Excelência os cursos do Ginásio Diocesano. E, aos 09 de agosto daquele mesmo ano, benzeu a primeira pedra do edifício onde funcionaria o Seminário Menor e o Colégio Diocesano. Naquela época, chegaram a Guaxupé as primeiras religiosas Concepcionistas e instalaram estabelecimento para educação de meninas e moças. Daí em diante, dom Assis desenvolveu muitas atividades com o objetivo de organizar o futuro bispado.<br /> Aos de 03 de fevereiro de 1916, o papa Bento XV, a rogo de dom Assis, dividiu em duas partes o território da Diocese de Pouso Alegre e erigiu uma nova diocese, com sede na cidade de Guaxupé. As linhas divisórias estabelecidas entre as duas dioceses foram as divisas meridionais das paróquias de Poços de Caldas, Campestre e Machado. <br /> Criada a nova diocese, dom Assis, que já residia na nova sede episcopal, optou por ficar em Guaxupé. Em vista disso, o papa Bento XV, aos 07 de fevereiro de 1916, nomeou o prelado como primeiro bispo desta Diocese, o qual tomou posse no dia 28 de maio daquele mesmo ano. <br /> Após a fundação do bispado, dom Antônio Assis trabalhou ardorosamente pelo estabelecimento das instituições diocesanas. Organizou a Cúria Diocesana e o serviço paroquial. Fez realizar em Guaxupé as Conferências do Episcopado da Província Eclesiástica de Mariana. <br /> Em 1916, Minas Gerais possuía as seguintes sedes diocesanas: Mariana, Campanha, Diamantina, Pouso Alegre, Uberaba, Montes Claros, Araçuaí e Caratinga. Depois de Guaxupé, foram criadas as dioceses de Luz (1918), Belo Horizonte (1921) e Juiz de Fora (1924).<br /> Gilvair Messias
Foto
_
Últimas Notícias
> CORPUS CHRISTI
> CAMPANHA DE ARRECADAÇÃO DE COBERTORES
> PROGRAMAÇÃO DA SEMANA SANTA
> MUTIRÃO DE CONFISSÕES
> FESTA EM LOUVOR A SÃO SEBASTIÃO
> NATAL
> MISSAS DE NATAL NA PARÓQUIA
> CAMINHADA COM MARIA
> SEMANA DA FAMÍLIA
> CATEQUESE INFANTIL

 

     

® 2012 - PARÓQUIA SÃO SEBASTIÃO - Todos os direitos reservados. - Rua Nico Duarte, 570- Bairro Vila Cruz - Poços de Caldas - MG | Tel.: (35) 3714. 2010 Domynio